TODA A LOJA COM FRETE GRÁTIS PARA TODO O BRASIL

Previna-se contra os efeitos colaterais

PREVINA-SE CONTRA OS EFEITOS COLATERAIS DO MINOXIDIL


 

Existem alguns efeitos colaterais do minoxidil que pode surgir. É muito raro acontecer, mas precisamos ficar atentos

Os resultados satisfatórios do minoxidil no combate à calvície são comprovados por milhares de homens e mulheres ao redor do mundo. Apesar disso, muitas pessoas têm medo de utilizar o produto porque o minoxidil possui efeitos colaterais. Nada que cause grandes preocupações, mas conhecer sobre seus possíveis efeitos colaterais é muito importante para que não haja surpresa no caso de você se encaixar na pequena estatística dos usuários iniciantes.

Citei a pequena estatística porque apenas 2% das pessoas que utilizaram o produtos tiverem os efeitos colaterais do minoxidil. Esses são efeitos realmente raros. Mas se você ainda não está seguro da utilização, procure um médico dermatologista e informe da intenção de utilizar o minoxidil para combater a calvície e aproveite para descobrir a origem da sua calvície e se outros medicamentos também podem ser utilizados durante o tratamento.

Os efeitos colaterais do minoxidil mais observados são a coceira na área da aplicação ou a irritação da pele, esses efeitos são mais comuns na solução tópica. Se você observar que esse efeito persistiu depois do segundo mês de utilização, pare de usar e fale com seu dermatologista. O álcool presente no minoxidil 5% pode ser o responsável por essa irritação e pode também trazer incômodo aos olhos. No caso de contato direto com os olhos, basta lavar com água limpa e fresca em abundância.

Nas mulheres, os efeitos colaterais do minoxidil são um pouco mais graves, principalmente se estas utilizarem o produto com uma concentração de 5% do minoxidil. Os efeitos colaterais observados nas mulheres são pelos no rosto, mas que não são permanentes. Isso é muito raro de acontecer, mas para maior segurança, o ideal é que as mulheres utilizem o minoxidil com apenas 2% de concentração. Jamais deve-se utilizar esses produtos durante a gravidez ou a amamentação.

Alguns cuidados na hora da aplicação podem evitar o aparecimento de pelos no rosto, são eles:

  • Aplicação exclusiva no couro cabeludo;
  • Lavar muito bem as mãos com água e sabão logo após a aplicação;
  • Aplique o produto de duas a quatro horas antes de deitar para dormir para que o produto seja absorvido pelo couro cabeludo. Isso impede que o produto não vá para a fronha e demais roupas de cama, o que consequentemente podem chegar ao rosto.

Além desses cuidados, os efeitos colaterais também podem ser evitados se você não usar caso seja mulher, se você não está com queda de cabelo, se você não sabe porque está perdendo cabelo, se seu cabelo cair de repente e aparecerem buracos no couro cabeludo, e se você tiver menos de 18 anos.

Além disso, não se deve aplicar o minoxidil no couro cabeludo machucado, vermelho ou infeccionado, ou se você utiliza algum outro medicamento no couro cabeludo. Caso você tenha problemas de coração, também não inicie a utilização antes de falar com seu médico.

Alguns efeitos colaterais do minoxidil 5% são mais raros ainda, porém mais sérios e você deve suspender o uso do produto assim que observar tais efeitos, são eles:

  • Dor no peito, taquicardia, náuseas ou desmaio;
  • Aumento de peso repentino;
  • Inchaço nos membros;
  • Irritação excessiva no couro cabeludo;
  • Pelos nascendo em áreas que você não deseja;
  • Coceira temporária de leve intensidade logo após aplicar a loção;
  • Produto sem resultados no tratamento da calvície após 4 meses de utilização contínua.